Empresas do Grupo +Unidos prestam assistência às vítimas de enchentes no Nordeste

Pela quarta vez, o Grupo +Unidos e a USAID atuam em parceria para ajudar as vítimas de desastres naturais.

Águas do rio Mearim cobrem casas em Trizidela do Vale

A Missão Diplomática dos Estados Unidos, por meio da Agência dos EUA para Desenvolvimento Internacional (USAID), e as empresas americanas participantes do Grupo +Unidos uniram forças e recursos, pela quarta vez, para implementar iniciativas coordenadas em resposta à situação de calamidade e emergência na região nordeste. Além do repasse de recursos financeiros e doações de produtos de higiene, limpeza, roupas e medicamentos, ações de voluntariado, entre outros recursos. Tudo está sendo realizado em coordenação parceria com a defesa civil, os governos estadual e municipal e ONGs.

3M – Doou 2.000 cestas básicas para a Defesa Civil de Pernambuco.
ADM – Doou 250 caixas de óleo (5.000 garrafas) e aproximadamente 500kg de materiais incluindo produtos de limpeza, higiene pessoal e alimentos para a Defesa Civil no Nordeste. Também organizou campanha interna para encorajar doações voluntárias de seus funcionários.
AES Eletropaulo – Doou parte da arrecadação da Campanha do Agasalho para a Defesa Civil de Pernambuco e também organizou campanha para incentivar doações financeiras de seus colaboradores.

Alcoa – Doou cerca de US$31.000 para a Defesa Civil de Pernambuco e organizou uma campanha interna. Como resultado, foram arrecadados até o momento, 2 toneladas de donativos, como material de limpeza, higiene pessoal, roupas e alimentos não-perecíveis.
Cargill – Doou de 240 caixas de óleo – 120 caixas para Polícia Militar de Pernambuco e 120 caixas para Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária de Alagoas.

Citi – Organizou uma campanha interna para encorajar doações voluntárias de recursos financeiros de seus funcionários.
Cummins – Organizou uma campanha de doação de alimentos e roupas juntamente com seus funcionários.

Deloitte – Doou 2 toneladas de alimentos não-perecíveis e produtos de higiene para os moradores da cidade de Palmares/PE. Além disso, organizou uma campanha interna para encorajar doações voluntárias de seus funcionários.
DOW – Organizou uma campanha para encorajar doações financeiras de seus funcionários e doou US$ 10,000 para a para a ONG Cáritas.

FedEX – Está coletando alimentos não perecíveis e água mineral e fará a entrega destes itens à Defesa Civil no Nordeste.

GE – Organizou uma campanha para encorajar doações voluntárias de seus funcionários. Além disso, funcionários da companhia na região Nordeste farão um mutirão solidário para ajudar as vítimas.

GM – Doou R$ 50.000 (aproximadamente US$ 28.000) para a Defesa Civil de Pernambuco para a compra de 596 colchões, 270 travesseiros e produtos de higiene pessoal.

HP – Organizou campanha interna para encorajar doações voluntárias de seus funcionários.

IBM – Organizou uma campanha interna para encorajar doações voluntárias de recursos financeiros e não financeiros de seus funcionários.

Intel – Organizou campanha interna para encorajar seus funcionários a fazer doações voluntárias, que serão entregues ao Corpo de Bombeiros de Alagoas.

Ketchum – Organizou uma campanha para encorajar doações financeiras de seus funcionários. A companhia irá providenciar o mesmo valor arrecadado arrecadado na campanha.

Kraft – Doou US$65.000 para a INMED. Também doou 67 toneladas de alimentos para consumo imediato (entre chocolates e biscoitos), 8.000 litros de água, e colchões e cestas básicas. Além disso, organizou campanha interna para encorajar doações voluntárias de alimentos, água e roupas em todos os escritórios e fábricas da Kraft Foods e da Cadbury Brasil. Como resultado, foram arrecadadas 2.8 toneladas de roupas e calçados, 1 tonelada de alimentos não-perecíveis e 735 litros de água mineral.

Monsanto – Doou US$ 25.000 para a CNA Confederação Nacional Da Agricultura e Pecuária, que serão usados para a compra de 60 mil litros de leite a serem distribuídos no Estado de Alagoas. Além disso, também organizou campanha interna para encorajar os funcionários a fazer doações financeiras voluntárias. Para cada R$ 1 doado a Monsanto doará outro R$ 1, até o limite de R$ 30.000. O montante arrecadado será dividido em partes iguais e entregue à Defesa Civil dos Estados de Alagoas e Pernambuco.

Motorola – Doou trinta rádios comunicadores para a Defesa Civil de Alagoas, no valor aproximado de US$25,000.

Oracle – Organizou uma campanha interna de arrecadação de donativos. Foram arrecadados 237 itens, entre cestas básicas, alimentos e roupas, que serão entregues à Defesa Civil de Alagoas.

P&G – Doação de 26.128 pacotes de absorvente feminino, 1.800 unidades de detergente líquido, 1.584 pacotes de fraldas para a Defesa Civil de Alagoas.

Visa – Organizou uma campanha interna para encorajar seus funcionários a fazerem doações voluntárias. Ao todo, foram doadas 7 grandes caixas de roupas e itens de higiene. A ação contou com a colaboração de 80 funcionários da Visa.

Walmart – Doou 11 toneladas de alimentos, produtos de higiene e limpeza para o estado de Pernambuco. Doou 1.000 cestas básicas para o Estado de Alagoas. Além disso, também organizou campanhas de arrecadação nas lojas dos dois Estados.

USAID – Doou US$100,000 para a ONG Cáritas, que será usado para a compra de colchões, filtros de água e kits de higiene.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *