AVIAÇÃO, SUBSTANTIVO FEMININO

por | ago 8, 2018

Romper barreiras, quebrar paradigmas e superar desafios. O que parece a descrição de uma epopeia é, na verdade, o enfrentamento diário que as mulheres experimentam em suas vidas, sobretudo no contexto profissional. Para aquelas que ingressaram em carreiras de STEM (do inglês, Ciência, Tecnologia, Engenharias e Matemática), a trajetória pode ser ainda mais difícil. Um estudo divulgado pela ONU Mulheres revela que 74% das meninas possuem interesse em STEM, mas, destas, apenas 30% ingressam e se tornam pesquisadoras da área. Em contrapartida, indicadores apontam uma relação direta entre diversidade e rentabilidade das empresas.

Ok. Meninas interessadas, benefícios financeiros – então por que nossa presença ainda não é numericamente expressiva? Difícil ser categórica, mas pesquisadores afirmam em uníssono que o fator cultural – fomentado pelos modelos educacionais tradicionais e pelas estruturas familiares – tende a direcionar a atuação feminina para outras áreas desde a primeira infância. Entretanto, apesar de desafiador, o cenário não é estático e mudanças significativas podem ser percebidas nos últimos anos.

Nos últimos dois anos, por exemplo, o número de mulheres piloto aumentou em 106% no Brasil. Na Força Aérea Brasileira (FAB) o efetivo feminino é hoje de 11 mil e a tendência é de movimento crescente. Na Embraer, contamos diariamente com a contribuição de cerca de 700 engenheiras altamente capacitadas – mas ainda queremos voos mais altos – e uma meta corporativa foi criada para impulsionar esse número.

Além disso, um Comitê de Diversidade está se formando, tendo como uma de suas referências os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) das Nações Unidas, em especial o ODS #5 – Igualdade de gênero

Entendemos a diversidade como um tema transversal a todas as frentes da empresa e, por isso, o Instituto Embraer também fortalece esta agenda. Com o propósito de ressignificar o papel cultural de meninas e de jovens mulheres no setor de tecnologia, organizamos o evento “Mulheres em STEM”, que será realizado no dia 13 de agosto, em São Paulo. O encontro idealizado em conjunto com nosso parceiro social, o Grupo +Unidos, contará com a participação de lideranças femininas no setor tecnológico e de alunas e ex-alunas dos Colégios Embraer. O evento inclui palestras e uma dinâmica direcionada para inspirar o diálogo entre mulheres em diferentes estágios profissionais e de vida.

E falando em inspiração, vale sempre recordar a exposição virtual realizada pelo Instituto Embraer na Semana da Asa 2016, com o tema “Mulheres na aviação”. Neste conteúdo, apresentamos a fantástica jornada de pioneiras do nosso setor que, desde o início do século XX, contribuíram para rediscutir os papéis destinados às mulheres na sociedade e no meio aeronáutico. Enquanto somos inspiradas pelo passado, miramos um futuro que nos desafia e motiva a traçar nossas próprias rotas, voar alto e ser donas da nossa própria história.

 

Autora: Thaís Marçon (Coordenadora de Cultura e Memória da Embraer)

Fonte: http://embraer.com/

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *