DOW FAZ PARCERIA PARA DIMINUIR AS DESIGUALDADES RACIAIS ENTRE ESTUDANTES

por | ago 2, 2017

Dow faz parceria para diminuir as desigualdades raciais entre estudantes

Empresa química investe na educação como forma de inclusão da população afrodescendente, buscando ampliar o interesse dos jovens negros nas carreiras de ciências

A escassez de talentos, especialmente nas áreas da ciência, é um desafio para as economias em todo o mundo. De acordo com uma pesquisa realizada em 2016 pela ManpowerGroup, no Brasil, 43% dos empregadores reportam dificuldade em preencher suas vagas e, entre essa porcentagem, figuram diversas profissões relacionadas à ciência, tecnologia, engenharia e matemática.

Aliado a esse problema está a maneira desigual em que as vagas nessas carreiras são distribuídas entre grupos sociais e raciais no Brasil, assim como as desvantagens socioeconômicas decorrentes dessas desigualdades. Embora negros e pardos representem 54% da população no país, o IBGE aponta que, entre os 90,3 milhões de trabalhadores ocupados em 2016, 8,1 milhões eram negros (8,9%).

Essa desigualdade começa na educação. Ainda segundo o IBGE, 82,6% dos que se declaram brancos conseguem concluir o Ensino Fundamental até os 16 anos, enquanto esse percentual para os negros é de 66,4%e. No Ensino Médio, a taxa de matrícula entre os brancos é 15% maior do que entre pretos e pardos, e, no ensino superior, o número de alunos negros e brancos matriculados é de 12,8% e 26,5%.

Para ajudar a solucionar essa desigualdade e fomentar os talentos em toda a sociedade, a Dow investe na educação como forma de inclusão da população afrodescendente no mercado de trabalho. A empresa, que busca soluções inovadoras para endereçar os desafios mais urgentes do planeta (como a escassez de água e aumento da produção de alimentos), acredita que a principal fonte de inovação contínua são as pessoas.

Um destes exemplos é a parceria firmada recentemente com o Instituto Cultural Steve Biko, através do Projeto Oguntec, que tem a missão de reverter o cenário de desigualdade e escassez de negros e negras nas áreas de Ciência e Tecnologia. O projeto, estabelecido na comunidade do Garcia, em Salvador (BA), corresponde a um conjunto de ações de fomento à ciência e tecnologia para jovens negros e negras.

Alunos do Colégio Edgard Santos, localizado na comunidade, serão desafiados a terem ideias inovadoras para lidar com questões socioambientais como a disposição do lixo, saneamento e energia elétrica. De maio até dezembro, os alunos aprenderão a modelar, divulgar seus negócios e transformar ideias em produtos e serviços, lidando com recursos financeiros e aprendendo sobre a importância da responsabilidade social em seus negócios. Além disso, eles terão a oportunidade de conhecer outras escolas públicas, empresas de tecnologia, processos e estruturas da Dow, entre outras instituições.

A parceria com o projeto faz parte da estratégia de cidadania corporativa da Dow, que prevê, entre seus focos de atuação, desenvolver iniciativas que buscam despertar o interesse e melhorar a preparação dos alunos na área de Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática (STEM), por meio do engajamento dos funcionários da empresa e de parcerias estratégicas. Além disso, o projeto está alinhado às políticas de diversidade e inclusão da Dow, que buscam oferecer oportunidades iguais a todos, independentemente de cor, sexo ou orientação sexual.

“A Dow acredita que a diversidade fomenta a inovação. Diferentes experiências, origens, perspectivas e a habilidade de ver as coisas sob outros ângulos levam a soluções mais completas e impactantes. Queremos que a diversidade esteja presente não só em nossos quadros, mas na sociedade como um todo e, por isso, defendemos e apoiamos iniciativas como essa”, explica a líder da African American Network (AAN), Elaine Matos.

Para fomentar a diversidade no ambiente de trabalho existem, na Dow, grupos de funcionários voluntários. Entre esses grupos está o African American Network (AAN), que tem como principal objetivo a inclusão de profissionais afrodescendentes no mercado de trabalho, contribuindo com a educação e qualificação do público alvo, promovendo, assim, a equiparação de oportunidades e a presença de etnias diversas em todos os ambientes.

Sobre as ações de cidadania da Dow

As ações de cidadania corporativa da Dow buscam colocar em prática o compromisso da empresa para avançar o progresso humano e desenvolver comunidades sustentáveis. Desta forma, a companhia produz soluções na interseção entre a inovação, sustentabilidade e cidadania para identificar, entender e endereçar os principais problemas da humanidade. Para isso, a Dow colabora com governos, ONGs, corporações e instituições de ensino para promover comunidades socialmente saudáveis e resilientes, ao mesmo tempo em que impulsiona seus negócios, alinhando-se às Metas de Sustentabilidade 2025 da empresa.

A estratégia de Cidadania Corporativa da empresa está pautada em 3 pilares prioritários:

· Construindo a Força de Trabalho do Amanhã – que engloba capacitação de educadores para construir habilidade de ensino e o fomento de ações para despertar o interesse e melhorar a preparação dos alunos nas áreas de Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática (STEM).

· Soluções de negócios – esse pilar se divide em ações para aumentar a produtividade e evitar o desperdício de alimentos, oferecer o acesso e o reuso de água e eficiência energética e moradias acessíveis.

· Bem-Estar da Comunidade – envolve ações que contribuem com a saúde física e mental das comunidades, bem como sua segurança, desenvolvimento econômico e preservação do meio ambiente.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *