• Português
  • English

GERDAU DOA QUASE R$ 7 MILHÕES A HOSPITAIS DE MINAS PARA COMBATE AO CORONAVÍRUS



Os Hospitais São Camilo, de Conselheiro Lafaiete, Fundação Ouro Branco, em Ouro Branco, e São João de Deus, em Divinópolis, estão recebendo recursos financeiros doados pela Gerdau, gigante do setor siderúrgico.

dinheiro vai viabilizar investimentos para melhorar a estrutura das três unidades e a capacidade de leitos, com o objetivo de colaborar no enfrentamento da COVID-19. O boletim mais recente da Secretaria de Estado da Saúde, divulgado na manhã desta quinta-feira (9), aponta que em Minas 15 pessoas já morreram infectadas pelo vírus, 655 casos de contaminação estão confirmados e há mais de 56 mil casos suspeitos da doença.

Hospital São Camilo, de Conselheiro Lafaiete, na Região do Alto Paraopeba, está sendo reformado para quintuplicar o número de leitos. A unidade de saúde tem 12 e, em breve, contará com 60, destinados aos pacientes em tratamento da COVID-19.

Em Ouro Branco, na Região Central, o aporte foi direcionado ao Hospital Fundação Ouro Branco (FOB), que deve realizar melhorias e ampliação de leitos para atendimento a pacientes infectados. Até o fim de abril, a unidade deverá ter 25 leitos de internação exclusivos, sendo cinco deles de UTI. O apoio à FOB dobrou a quantidade de vagas disponíveis para o enfrentamento ao novo coronavírus.


Em Divinópolis, no Centro-Oeste de Minas, o recurso financeiro será para o Hospital São João de Deus, destinado à compra de insumos equipamentos para o atendimento médico da população. A Gerdau ofereceu ainda uma ambulância da empresa para atendimento de urgência emergência neste período mais crítico da crise de saúde e, além de ter apoiado com a sanitização desinfecção das rampas de acesso do Hospital e Unidade Municipal de Pronto Atendimento (UPA).

“Sempre tivemos uma relação muito próxima com todas as comunidades onde atuamos e vimos mantendo o diálogo constante com os agentes de governo, lideranças comunitárias, dentre outras partes interessadas destas regiões, pois seguimos empenhados em contribuir com a sociedade mineira nesse momento tão desafiador”, destaca Marcos Faracodiretor executivo da Gerdau.

Doações de EPI e álcool em gel

Dentro da empresa, a Gerdau afirma seguir todas as orientações de prevenção contra o coronavírus divulgadas pelos órgãos de saúde competentes nos países em que opera. A companhia adotou protocolo com uma série de medidas para mitigar o risco de transmissão nos locais de trabalho, como a recomendação de trabalho em home office, o cancelamento de viagens nacionais e internacionais, triagem diária dos colaboradores que acessam a operação e adaptação e higienização de áreas comuns e estações de trabalho.

A empresa informou ainda que tem doado diversos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), como macacões, protetor facial, óculos de segurança, máscaras cirúrgicas e luvas às comunidades e prefeituras onde atua.

A Gerdau revelou também que, a exemplo de outras empresas no país, tem empreendido esforços na busca por alternativas para não colocar em risco a manutenção dos empregos e, consequentemente, o comprometimento da economia local. 

Fonte: Estado de Minas.

Assine nossa Newsletter

    Logo +Unidos
    Youtube Flickr Linkedin Facebook ...